O Divino Cantor

By | 16 de julho de 2021
Texto e ilustração:
Luiz Goulart

Liberta o coração e canta. Não te abismes no conflito. Ergue a mente ao sol da vida, cujo nome é Jesus. De ti nascerão luzes: ele está contigo! Quando te dás ao coração do mundo, mais ainda o Mestre penetra em tua alma. Se a sombra vem, o sol não morre. Escondido, brilha nas alturas do céu interior, que sempre cresce e se agiganta no infinito de ti mesmo… Busca as estrelas de teu céu interior: os olhos do Mestre estarão bendizendo tua existência.

Jesus, tu és a Caridade que o Pai ofertou aos que soluçam, na Terra. Assim como a Bondade é a flor dos céus, a Caridade é o perfume que enfeita o jardim da vida… Sinto até, Divino Companheiro, que a Caridade que julgamos praticar nasce de tua Presença em nossos gestos. Para o canto da Beleza reviver na Terra, é preciso repetir o Divino Cantor: “Amai-vos uns aos outros, tanto quanto eu vos amei!” – … pois a Beleza só nasce do culto ao Amor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *