Category Archives: Mensagem do dia

Ao Mestre, com Amor

Neste aniversário de nascimento de nosso saudoso amigo e instrutor Luiz Goulart (1920–2002), gostaríamos de avaliar em nós os efeitos de seus ensinamentos. Será que valeu a pena o sacrifício de uma vida inteira apontando o caminho para a Paz? Quantas vezes por dia somos pacifistas? Já conseguimos perdoar, abraçar nossos desafetos, “oferecer a outra… Read More »

Um Novo Prometeu

Dia 30 de julho de 2018 Aniversário de nascimento de Helena Petrovna Blavatsky Patrona de nossa Coluna da Verdade Hoje nossas almas estão em festa, com a lembrança da passagem em nosso planeta de uma luz dourada que veio, como a estrela de Belém, abrir caminhos para nos libertar da ignorância, que nos escravizava à… Read More »

Há de Passar

Lucia Magalhães Passada a grande dor, É hora do silêncio. O olhar vagueia Pelos longes: No espaço agora enevoado Há o convite da Vida, A caminhar. Esperança e cuidado Se misturam A uma sincera vontade De acertar… Para pensar o sentimento Ainda dolorido, Um só cuidado: Nem para trás, Nem para o lado! Seguir em… Read More »

O Caminho do Coração

 Há uma companhia inevitável para aqueles que escolhem o Caminho do Coração: a Dor. Almas a caminhar pelo mundo, teremos tantas vezes a túnica encharcada de pranto e nos lembraremos do Nazareno, em nossa aflição. Encontraremos o Gólgota, nesta nossa vida de iniciantes, em busca de Sabedoria. Ao escolhermos o Caminho do Coração, chegamos à… Read More »

Emanação

Vamos praticar a concentração. Aprender a entrar em nós mesmos, deslocando-nos a outras dimensões, para não participarmos de certos instantes de confusão geral. Assim, economizamos células nervosas e não atrapalhamos nosso semelhante. Quem não discute, evitando desavenças maiores, está cuidando da própria Humanidade. Ao se concentrar, o Homem não só restabelece o seu sistema nervoso,… Read More »

Poema da compreensão

Tenho em mim a flor de luz Que trazes, igual à minha, No teu mundo oculto. Falhas tenho, tu as tens também… São espinhos que se fazem em nós, Marcando imperfeições humanas. Não olhemos, por favor, Marcas de lodo Salpicadas sobre a flor. Esqueçamos o mal do julgamento. A vida é breve como a lágrima… Read More »